Era para ser 24 horas por dia para atender as necessidades da população, só que essa máxima não é levada a sério em Senhor do Bonfim, na UPA que fecha as suas portas na hora de almoço.

Adoecer nesse horário, significa ficar sem atendimento médico, e o pior, podendo ter o quadro de saúde totalmente comprometido.

A triste realidade foi constatada ontem, 28, quando um pai, resolvou levar a sua filha de 7 anos, para receber atendimento.

Desidratada e vomitando constantemente, a criança necessitaria de atendimento. Para surpresa dos pais, a UPA estava fechada para almoço e que segundo relata o pai da garotinha, o atendimento somente seria retomado a partir das 14 hs.

Revoltado e sem entender tal descaso, a criança foi encaminhada pela propria família a um hospital particular na cidade.

Procurado para falar sobre essa situação, o secretário de Saúde, José Antônio, ainda não se manifestou oficialmente.

Confira o vídeo: