Candidato petista alega que 33 cidades em 13 estados colocaram ilegalmente outdoors que teriam beneficiado Bolsonaro. Pedido é por abuso de poder econômico.

A campanha de Fernando Haddad (PT) ingressou no TSE com um pedido de cassação de chapa  de Jair Bolsonaro (PSL).

O pedido ao Tribunal Superior Eleitoral, também atinge o vice de Bolsonaro.

A ação de investigação judicial eleitoral protocolada pede a inelegibilidade da chapa por abuso de poder econômico por uso ilegal de outdoor.

Alguns simpatizantes de Bolsonaro em Senhor do Bonfim, custearam a colocação do outdoor que ficou visível aos que passavam nas imediações do contorno que dá acesso ao bairro da Olaria.

Haddad alega que há desequilíbrio na disputa eleitoral diante da colocação de dezenas de outdoors, espalhados pelo Brasil.

33 municípios em 13 estados colocaram os outdoors, motivo do pedido.

Senhor do Bonfim está entre os municípios em que Bolsonaro fez agradecimentos pela colocação do outdoor.

Os outdoors foram retirados antes do início da disputa eleitoral.

Blog do walterley

Com informações do Blog do Esmael.