Morador observa a redução do volume de água na barragem do Aipim.

As chuvas esperadas não chegaram, as previsões não são nada otimistas. A seca que assola a região levou as barragens que abastecem várias cidades a volumes muito preocupantes. Economizar água agora é uma obrigação de todos.

O maior problema de momento é a barragem de Ponto Novo. Com menos de 25% de sua capacidade total de armazenamento, vários municípios da região são abastecidos por ela.

A barragem do Aipim, que também abastece Senhor do Bonfim, tem sua capacidade reduzida a cada dia, e com menos de 60% do seu armazenamento já ligou o sinal de alerta total.

Moradores próximos ao Aipim, relatam a situação e registram em fotos e vídeos o verdadeiro drama dá seca. A Embasa preocupada com a situação lançará nos próximos dias uma campanha com objetivo de conscientizar a população que evite desperdiçar água.

O temido racionamento vai ganhando forças a cada dia. Aflito um morador desabafa “Só Deus para contrariar as previsões da meteorologia, os rios estão morrendo”.

Banhistas continuam na barragem do Aipim

Todos os esforços empreendidos pela Embasa não são ainda suficientes para conter a invasão de banhistas na barragem. Sem contar com a poluição que deixam no local, os banhistas degradam tudo.

É preciso agora cada um de nós  além de economizar água, agir também  como um vigilante do desperdício e tentar evitar dias piores. Se nada mudar nos próximos dias, o racionamento de água em Senhor do Bonfim será dado.como certo.