Carlos                          Carlos de Tijuaçu quer o mandato do vereador Edivaldo Guedes(Chocolate)

CHO                         Edivaldo Guedes disse ter ficado surpreso com a denúncia.

O ex-vereador Carlos de Tijuaçu, protocolou no Ministério Público um pedido de levantamento de documentos em que solicita a cassação de mandato do vereador Edivaldo Guedes(Chocolate), com base na denúncia de que o vereador já teria ultrapassado o limite legal de sua participação durante as sessões realizadas em 2014, o que daria margem segundo o denunciante ao cumprimento da Lei Orgânica Municipal, que pune com a perda de mandato o excesso de faltas.

O Ministério Público já encaminhou ao presidente da Câmara, vereador Laércio Muniz, juntada de documentos para posterior investigação.

O vereador Chocolate, informou que que já tem pronta a sua defesa, e declarou que tem apenas duas faltas não justificadas. Chocolate disse ter ficado surpreso com a denúncia formulada por Carlos de Tijuaçu, e chegou a dizer que o ex-vereador já teria sido expulso de uma igreja evangélica por conduta não compatível.