A jovem advogada bonfinense Dra. Camila Machado vem de ganhar mais uma causa, desta vez no Tribunal de Justiça Federal, tendo sido acolhido pelo referido Tribunal o Recurso Inominado em favor de um artesão que tivera a sua aposentadoria por invalidez negada pelo INSS, negativa esta confirmada anteriormente pelo Juizo Federal em Campo Formoso. O TRF acolheu o arrazoado jurídico da jovem advogada, e decidiu pelo direito do requerente à aposentadoria que o INSS lhe negara.  

 

milaposter

Ao saber do resultado, Dra. Camila Machado confessou : « Foi mais uma causa em que não fui recompensada financeiramente, mas só o fato de ajudar a quem estava precisando de justiça me deixa feliz. O advogado tem uma responsabilidade social da qual não pode fugir, e estou consciente disto », frisou a jovem advogada. E continuou : « Muitas vezes os mais pobres, os mais excluidos, são engolidos pelo braço das instituições que exercem o poder indistintamente. É preciso dar-lhes vez e voz, e o faço levada por três motivos : o advogado precisa assumir o seu lugar na construção da justiça social; nossa formação foi financiada pelo povo, através de seus impostos; e aprendi em família, com meu pai, que precisamos estar atentos à correção de injustiças sociais », concluiu Dra. Camila Machado.  A competência jurídica bonfinense está de parabéns!