hemoba

A Fundação de Hematologia e Hemoterapia (HEMOBA) está realizando Campanha de Doação de Sangue em parceria com a Igreja Católica de Senhor do Bonfim.

Para conscientizar a população bonfinense, o HEMOBA amarrou fitas vermelhas às árvores da Praça Nova do Congresso. O Governo Uma Nova Realidade apóia a campanha e aproveita o ensejo para também conscientizar você, cidadão, a realizar este ato de cidadania e humanidade. Doe Sangue, Doe Vidas.

A unidade do HEMOBA em Senhor do Bonfim funciona na Praça Duque de Caxias, 173, ao lado do Hospital Regional.

Condições básicas para doar sangue:
Sentir-se bem, com saúde.
Apresentar documento original com foto, emitido por órgão oficial e válido em todo o território nacional.
Pesar acima de 50 kg.
Ter entre 16* e 67 anos de idade.
*Podem ser aceitos candidatos à doação de sangue com idade de 16 e 17 anos somente com o consentimento formal e a presença do responsável legal para cada doação.
Recomendação para o dia da doação:
Nunca vá doar sangue em jejum.
Repouso mínimo de 6 horas na noite anterior.
Não ingerir bebida alcoólica nas 12 horas anteriores.
Evitar fumar por pelo menos 4 horas antes da doação.
Evitar alimentos gordurosos.
Quem não pode doar sangue?
Quem teve diagnóstico de Hepatite após os 11 anos de idade.
Mulheres grávidas ou que estejam amamentando.
Pessoas que estão expostas a doenças transmissíveis pelo sangue, como Aids, Hepatite, Sífilis e Doença de Chagas.
Usuários de drogas.
Aqueles que tiveram relacionamento sexual, com múltiplos parceiros, nos últimos 12 meses.
O que acontece depois da doação?
O doador recebe instruções referentes ao seu bem-estar e cuidados que deverão ser tomados, tais como:
Beber bastante líquido nas primeiras 6 horas e alimentar-se normalmente.
Não fumar nas primeiras 2 horas.
Não praticar esportes radicais ou atividades de risco.
O que acontece com o sangue doado?
Todo sangue doado é separado em diferentes componentes (como hemácias, plaquetas, plasma e outros), e assim poderá beneficiar mais de um paciente com apenas uma doação. Os componentes são distribuídos para os hospitais e clínicas da cidade para atender casos de emergência, pacientes internados e pessoas com doenças hematológicas.
Isso é importante:
Embora realizados exames no sangue coletado (Hepatites, Sífilis, Doença de Chagas, HIV e outros), há um período chamado janela imunológica – espaço de tempo entre a contaminação e a positividade do teste – isso significa que a pessoa pode ter sido contaminada por um agente infeccioso e este não ser detectado através dos exames realizados. Por isso, é fundamental que você seja sincero na entrevista. Honestidade também salva vidas. Diante de um teste positivo ou inconclusivo, o doador será convocado por meio de carta para realização de um novo exame.
*Com informações do HEMOBA/SESAB

ASCOM