DANIELA

A comunicadora Daniela Maia,27anos, que divide a bancada da Rádio do Grande Rio com o comunicador e blogueiro Daniel Campos, está passando por extrema dificuldade de saúde na unidade de Tratamento Intensivo – UTI.

Daniela foi internada  nesta quinta feira ,31, em Salvador, por suspeita de dengue hemorrágica. Façamos uma corrente de operações e pensamentos positivos pelo pronto restabelecimento da amiga Daniella Maia.

(Publicado por Farnesio Silva)

Hemorrágica

A dengue hemorrágica é uma doença grave e se caracteriza por alterações da coagulação sanguínea da pessoa infectada. Inicialmente se assemelha a dengue clássica, mas, após o terceiro ou quarto dia de evolução da doença, surgem hemorragias em virtude do sangramento de pequenos vasoas na pele e nos órgãos internos. A doença pode provocar hemorragias nasais, gengivais, urinárias, gastrointestinais ou uterinas.

Na dengue hemorrágica, assim que os sintomas de febre acabam a pressão arterial do doente cai, o que pode gerar tontura, queda e choque. Se a doença não for tratada com rapidez, pode levar à morte.