“Eurico é um homem do bem, mas está mal acompanhado”

Declarou o deputado Elmar Nascimento sobre o atual prefeito de Campo Formoso

 

elmar

Em entrevista concedida à rádio 98 FM de Campo Formoso na última segunda-feira, dia 21 de janeiro, o deputado estadual Elmar Nascimento (PR) disse estar triste com as ações “autoritárias” e “equivocadas” da atual gestão municipal, como o atraso nos salários e o constrangimento de expor a folha de pagamento dos servidores, os casos de perseguição política e a revogação de lei através de decreto.

Para Elmar, o município está assistindo a um filme que já ocorreu no passado. “Vejo acontecer com o doutor Eurico as mesmas coisas que aconteceram com o doutor Chiquinho, que também é do bem, mas que estava mal acompanhado por pessoas que vêem a prefeitura como propriedade delas”, declarou o deputado ao comparar a situação atual com o período em que Francisco Sales do Nascimento era prefeito.

Dentre as arbitrariedades cometidas pela atual gestão, o deputado destacou a revogação por decreto da lei conquistada pelos servidores públicos, que estabelecia que o gestor do fundo da previdência deveria ser eleito pelos próprios servidores. “Este recurso é dinheiro dos servidores, descontado do salário deles. Portanto, deve ser administrado por eles, por uma pessoa eleita e que tenha autonomia para, por exemplo, denunciar irregularidades”, advertiu o deputado.

Ele denunciou ainda outras medidas autoritárias como as demissões de profissionais da área de saúde, pelo fato de pertencerem ao grupo político adversário, prejudicando o atendimento a população. Elmar considerou equivocada também a decisão de fechar a prefeitura por 45 dias no momento em que o município sofre com a pior seca dos últimos tempos. Além disso, criticou a derrubada de outdoors promovida pela administração municipal durante a madrugada. “As pessoas confiam na prefeitura, tiram o alvará e depois vêem seus outdoors serem derrubados como se elas tivessem feito algo errado”, disse o deputado com indignação.

O atraso do pagamento dos salários dos servidores também foi considerado absurdo por ele, sobretudo, por conta da justificativa dada pela prefeitura de que não houve transição. Para o deputado, “a transição foi tão bem feita que parecia até de um mesmo grupo”. Ele apontou como prova disso o fato da secretaria mais importante, a da Fazenda, continuar com a mesma secretária da gestão anterior.

O deputado Elmar acredita que o prefeito Eurico não tem conhecimento das coisas que estão acontecendo e não concordaria com elas. “Eu conheço e respeito o doutor Eurico, mesmo achando que ele está no grupo errado, mas desejo a ele sucesso”, concluiu.

Fonte: Assessoria de Comunicação