O primeiro dia de funcionamento do Bonfim Rotativo (estacionamento rotativo) no centro de Senhor do Bonfim atendeu as expectativas iniciais do projeto que era exatamente abrir oportunidades de estacionamento na área mais congestionada da cidade, mas, por outro lado, muitas ruas onde antes era quase impossível encontrar uma vaga, estava disponível.

De acordo com a empresa de serviços técnicos e planejamento urbano SETE responsável pela gestão do trânsito, as principais observações diagnosticadas neste momento inicial foi a dificuldade de alguns motoristas em saber como proceder na hora de usar os cartões e o desrespeito de motociclistas que estacionaram em locais exclusivo para automóveis.

Os motociclistas precisam ficar atentos ao estacionamento nas ruas em que funciona o sistema Bonfim Rotativo.  A partir de agora as motos que estacionarem fora da área específica, estão sendo autuadas pelo DEMTRAS. Segundo o coronel Augusto César Salgado, diretor do Departamento Municipal de Transito, alguns motociclistas formam notificados por desobedecer às regras do sistema de transito. “Motos não pagam pelo estacionamento, mas, se estacionarem em locais para veículos serão notificadas” comentou o diretor de transito. “A desobediência rendeu uma multa de R$ 54 para quem insistiu em parar em locais proibidos.

O cartão Bonfim Rotativo possibilita ao usuário permanecia em áreas de duas ou quatro horas pelo custo de R$ 1,50.

              Trânsito bagunçado antes da cobrança

Falandotudo.com