Um falso alarme mudou toda a rotina desta segunda-feira(06), na cidade de Andorinha. Boatos de que uma onda de assaltos estava acontecendo , foi suficiente para a falsa notícia se espalhar e causar pânico entre comerciantes, feirantes, empresários e o povo em geral.

A correria foi intensa, mulheres correndo no meio da rua com crianças, escolas fechando as portas, agências bancárias parando as atividades, e até mesmo a Prefeitura e Câmara de Vereadores fecharam as portas.

Os feirantes, rapidamente embalaram as suas mercadorias, antes expostas para a venda. barracas eram desmontadas às pressas, moradores das fazendas da região, abandonaram a cidade.  Andorinha parece com uma cidade fantasma.

As tensões, os arrastões, os assassinatos em Salvador, refletem no interior com informações desencontradas. O prejuízo de hoje é incalculável. Tudo por conta de um alarme falso.