54 comerciantes, proprietários de estabelecimentos enquadrados como não essenciais, foram notificados pelo Ministério Público e terão agora que prestar esclarecimentos.

Pela notificação, o MP quer saber se houve inobservância de normas sanitárias instituídas para conter o avanço da Pandemia da Covid-19 no período do lockdown.

Os comerciantes notificados serão ouvidos a partir do próximo dia 13 de abril, por meio virtual.