Honorários médicos, pagamentos aos prestadores de serviços na área de saúde, e que atuam no Hospital Regional Dom Antônio Monteiro, não foram pagos pela gestão de Carlos Brasileiro.

Em um grupo de whatsapp, que tem como membros vários profissionais, uma mensagem encaminhada pela prefeitura de Senhor do Bonfim, confirma a falta de pagamentos que foram deixados como “restos a pagar” para ser liquidado pela gestão de Laércio Júnior.