No dia de hoje 18 de dezembro de 2020, nossa reportagem teve conhecimento de que uma mulher que foi presa na operação, intitulada Gunsmith, que ocorreu em nossa cidade Senhor do Bonfim, como também em outras cidades onde foram presas várias pessoas por tráfico de drogas, associação ao tráfico, vários homicídios, organização criminosa, soubemos que a pessoa de Marciana de Araújo Cordeiro teve sua liberdade concedida no dia de hoje.

Entramos em contato com o criminalista bonfinense Pedro Cordeiro, advogado da mesma que nos informou o seguinte: “…que com relação o que foi encontrado em sua casa pela polícia, supostamente foi arbitrado pelo delegado uma fiança de 10.000,00 (dez mil reais) a qual foi mantida por decisão pelo Juiz da comarca de Senhor do Bonfim, mas que foi ingressado com habeas corpus ao Tribunal de Justiça da Bahia, a qual a defesa conseguiu a liminar para a colocar em liberdade, mas a mesma continuava presa em virtude da decisão da operação Gunsmith, mas nos informou o advogado que nesta ação penal foi concedido a prisão domiciliar, perguntado ao advogado o que ele achava da decisão o mesmo nos respondeu que estava tranquilo e que isso fazia parte da vida profissional dele…”