Denúncia contra o prefeito de Andorinha, Renato Brandão, foi protocolada no MPF, Conselho Tutelar, Juizado da Infância e Juventude, e também no Ministério Público Estadual. Segundo o autor da denúncia, vereador Vagner Lavor, juntamente com a bancada de oposição, o prefeito estaria colocando em risco as crianças da Creche Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, situada no Bairro de Vila Peixe.

Segundo a denúncia, o prefeito teria desapropriado uma residência aonde iria funcionar a creche, sendo que o município comprou a casa por  R$ 65.000,00 ( sessenta e cinco mil reais), isso, em 2017, e até hoje, segundo o vereador, a residência não foi transformada em creche “Essa casa que foi comprada por sessenta e cinco mil, hoje tem mais de vinte rachaduras, não foi feita reforma, e a prefeitura alugou uma casa, aonde o contrato custa R$ 6.600,00 (seis mil seiscentos reais)” denunciou o vereador.

Ainda consta na denúncia, que a residência (alugada para ser creche), não tem espaço físico suficiente para abrigar noventa crianças, tem apenas um chuveiro, um vaso sanitário, uma pia, paredes rachadas,  e alguns colchões para as crianças descansarem “Isso significa que o gestor não tem nenhum compromisso com as crianças” lamentou Lavor.