O deputado federal Arthur Maia (PPS), esteve neste último sábado (27), visitando a cidade de Senhor do Bonfim que completa 132 anos neste domingo (28). Na oportunidade, houve um encontro do deputado com várias lideranças políticas e comunitárias, onde ocorreu no Novo Leste Hotel, localizado no Centro da Cidade.

Com base política na cidade de Guanambi-BA, sua terra natal, o deputado federal “Arthur Maia” tem 53 anos, é advogado, além de sobrinho do ex-governador da Bahia, Dr. Nillo Coelho. O parlamentar já foi vereador, deputado estadual por vários mandatos, prefeito da cidade de Bom Jesus da Lapa e ainda exerceu o cargo de assessor do então governador Nilo Coelho. Arthur Maia é presidente do Partido Popular Socialista na Bahia.

Em Senhor do Bonfim, o deputado “Arthur Maia” foi recebido por várias lideranças políticas, dentre elas, o ex-vereador e ex-presidente da Câmara de Senhor do Bonfim, Laércio Muniz (PTN), os vereadores oposicionistas Laércio Muniz Junior (PPS), Otávio Xisto (PMN) e Geri (PMN), ex-prefeito de Pindobaçu, Daniel Gomes (PPS), vereador Arlivan de Campo Formoso (PDT), pelo suplente de vereador Edmilson Alves (PPS) e Renilson Ramos presidente do PPS de Itiúba, além de vários líderes comunitários da cidade. Segundo o deputado Arthur Maia, o encontro com essas lideranças tem como objetivo a viabilidade de apoios para a sua reeleição em 2018.

Segundo informações das próprias lideranças, o deputado Arthur Maia apresentou propostas interessantes para os municípios de Senhor do Bonfim, Itiúba, Campo Formoso e região que se encontram neste momento órfãos de Deputados atuantes e que lutem de verdade pela região. O deputado Arthur Maia, se colocou a disposição da região, e estará nos próximos meses já trabalhando para ajudar a região com destinação de emendas, e com isso, poder receber o reconhecimento e o devido apoio em sua reeleição de federal. O deputado federal Arthur Maia (PPS), pertence ao grupo politico liderado pelo prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), ao qual foi confirmado como candidato ao Governo da Bahia e terá apoio do PPS ano que vem.

Por: Renilson Ramos.

Compartilhe isso