Incontinência urinária é um fator de grande constrangimento psicossocial podendo acometer todas as idades.  Caracteriza-se com a perda involuntária de urina podendo ser com URGÊNCIA miccional que é aquele desejo súbito de urinar,  geralmente não dando tempo de chegar ao banheiro,  a incontinência urinária ao ESFORÇO  em que essa perda ocorre ao tossir,  rir, espirrar,  agachar-se, caminhar ou seja, qualquer esforço feito. E incontinência urinária mista em que envolve a perda por urgência e esforço. É importante salientar que nenhuma perda urinária é normal,  nosso corpo tem mecanismos que quando saudáveis não deixam escapar urina. Portanto procure ajuda e comente com seu urologista ou ginecologista se ocorrer esses episódios.
     Existem hipóteses para justificar a perda urinária,  porém ainda segue sem uma resposta que esclareça. Sabe-se que algumas situações favorecem a perda como: Excesso de peso, pós-operatório para retirada da próstata ( Prostatectomia),  exercício físico de alto rendimento,  lesões cerebrais,  medulares, retirada do útero( histerectomia), mulheres que tiveram inúmeros partos ou tiveram crianças grandes no momento do nascimento, menopausa, entre outros,causando assim lesões no assoalho pélvico. Existem tratamentos para essa condição de maneira indolor e conservadora,  como a fisioterapia uroginecológica ou pélvica como vem sendo chamada. O método consiste em preparar o assoalho pélvico através de técnicas de eletroestimulação intravaginal ou superficial, cinesioterapia e com outros recursos associados para garantir excelência nos resultados.  Tratava- se de uma área pouco difundida na fisioterapia,  mas que vem ganhando espaço no Brasil e em Senhor do Bonfim,  em que o médico já encaminha para o tratamento.
Raquel de Andrade
Fisioterapeuta
Crefito 166443f
Especialista
Atendimento : Vitaclin 3541-9039
Centro Médico Bonfisio 3541-3937