Lívia-Mattos-jonasaraujo

A sanfona e o canto de Lívia Mattos, artista soteropolitana, chegarão a Senhor do Bonfim no dia 30 de janeiro (sábado), às 19h, na Praça Nova do Congresso, aberto ao público. A iniciativa integra o projeto Caravana da Música, realizado pela Maré Produções Culturais e patrocinado pela Vivo e do Governo do Estado, através do Fazcultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura do Estado da Bahia. O circuito já percorreu Amargosa, Praia do Forte/ Mata de São João e Madre de Deus e ainda passará por cidades como Lençóis, Juazeiro, Vitória da Conquista, Luís Eduardo Magalhães, Itabuna e Ilhéus, totalizando 10 shows gratuitos, apresentando artistas selecionados por meio de chamada pública.

Lívia Mattos é sanfoneira, circense e cantautora. Começou a sua carreira artística no circo, onde despertou interesse pelo acordeom como recurso cênico. A partir de então incursionou no meio musical, em bandas e espetáculos, dando início, em 2008, ao seu trabalho solo. Estreou em palcos soteropolitanos, seguindo por shows em São Paulo, através de diversos projetos e espaços, como o Prata da Casa, no SESC Pompéia; Catarse; Casa de Francisca; Virada Cultural de São Paulo; Projeto Viva Vila, dentre outros. Em 2009, teve o seu primeiro EP produzido generosamente por Oswaldinho do acordeom. Em 2011, aprovou o projeto de circulação pelo Edital Vivaldo Ladislau (FUNCEB), realizando seu show por cidades do interior da Bahia. Apresentou-se também em projetos como Natal Remix (BA), Festival Lado BA (BA) e Zona Mundi(BA), Festival Estação Catraca Livre (SP), Prêmi             Brasil Criativo(SP), Festival Latitudes Latinas(BA), Mostra SESC (BA), etc. Nos últimos três anos realizou turnês europeias, apresentando-se pela França, Alemanha, Rússia, Estônia, Irlanda, Reino Unido, Grécia, Bélgica, Espanha, Áustria e Dinamarca.

De acordo com Fernanda Bezerra, “o Caravana da Música pretende atingir a um público de 30 mil espectadores, distribuídos em dez cidades baianas. A ação almeja se tornar um dos principais circuitos de difusão da música contemporânea da Bahia, por meio da ocupação de espaços públicos de forma criativa, buscando mobilizar a cidade para as apresentações musicais”.

Para Luisão Pereira, o aspecto de garantir a difusão de artistas, muitas vezes desconhecidos do público do interior do estado, um dos mais importantes da ação do Caravana da Música. “O projeto tem um papel importante de levar às regiões músicas que normalmente não chegariam a determinadas cidades. O grande propósito é estimular a contribuição desses artistas na cena dos municípios, não de um modo extrativista, mas promovendo a troca de informações e aprendizados mútuos”.

O Caravana da Música é viabilizado pelo programa FAZCULTURA, Parceria entre a SecultBA e a Secretaria da Fazenda (Sefaz), o mecanismo integra o Sistema Estadual de Fomento à Cultura, composto também pelo Fundo de Cultura da Bahia – FCBA, CrediFácil Bahia (em parceria com a Desenbahia) além das linhas especiais de apoio, como os Pontos de Cultura e o Carnaval Ouro Negro. O objetivo é promover ações de patrocínio cultural por meio de renúncia fiscal, contribuindo para estimular o desenvolvimento cultural da Bahia, ao tempo em que possibilita às empresas patrocinadoras associar sua imagem diretamente às ações culturais que considerem mais adequadas, levando em consideração que esse tipo de patrocínio conta atualmente com um expressivo apoio da opinião pública.

LÍVIA MATTOS – Dentro  da sua   busca sonora, Lívia Mattos utiliza a sanfona como instrumento de criação e pesquisa, com a liberdade de transitar por influências cosmopolitas e regionais, apropriando-se do lirismo seresteiro, do baile caribenho, assim como de referências musicais que remetem ao universo circense e nordestino.

Além do seu show autoral, possui dos formatos  temáticos, ligados às festas populares: FOLIA DE FOLE, repertório carnavalesco na sanfona; JUNINA, repertório tradicional de São João. No presente ano, começou um duo de acordeom com o sanfoneiro franco‐português Loïc Cordeone, com quem possui várias composições em parceria.

Trabalha com a produção de trilhas para audiovisual e para espetáculo e performances    de diferentes linguagens, mantendo o seu desejo de tocar e criar para cena. Atua em performances circenses/musicais tocando nas      alturas  de guindastes tirolesas e trapézios, como também equilibrada no monociclo. Nos últimos meses participou na Virada Cultural de São Paulo e do Festival Paulista de Circo com a sua performance “Sanfona aérea”.

Concomitante  ao seu trabalho autoral, acompanha o cantor e compositor Chico César em shows pelo país, como também pela Europa e América Latina, participando de projetos como Conexão Latina (SP), Grand Mix du Brésil (FR), AnjosTortos DF/RJ), Conexão Vivo (MG/BA), dentre outros e shows de lançamento  do disco “Estado de poesia”. No presente ano apresentou-se em dois importantes festivais de acordeom pelo mundo: “Accordions Around the World”, em Nova Iorque, e no “Akkorden Festival Wien”, em Viena.

Formação da banda: Lívia Mattos – sanfona/voz; Jamberê Cerqueira – tuba; Marcelo Pinho – percussão; Reinaldo Boaventura bateria; Léo Brasileiro – guitarra.

Confira o circuito completo de apresentações do Caravana da Música:

  • Senhor do Bonfim – dia 30 de janeiro (sábado), às 19h – Lívia Mattos faz show na Praça Nova do Congresso.
  • Juazeiro – dia 31 de janeiro (domingo), às 17h – Vivendo do Ócio, com show de abertura do Semi Velhos. Na Orla II.
  • Vitória da Conquista – 13 de fevereiro (sábado), às 17h – Manuela Rodrigues faz show na Praça da Escola Normal.
  • Itabuba – dia 20 de fevereiro (sábado), às 19h – Kamaphew Tawa e Banda Aspiral do Reggae– Praça Beira Rio.
  • Ilhéus – dia 21 de fevereiro (domingo), às 17h – IFÁ Afrobeat, na Praça Castro Alves.
  • Lençóis – dia 12 de março (sábado), às 19h – O QUADRO, no Mercado Municipal de Lençóis.
  • Luís Eduardo Magalhães – dia 20 de março (domingo), às 17h – Samba Chula de São Brás, na Praça Central.

Crioula Comunicação e Mobilização Social