Andorinha                            Quadrilha que assaltou e destruiu o Banco do Brasil de Andorinha

Banc 1 extra                               Agência destruída pelo bando

As investigações da Polícia Civil da Bahia, em uma ação conjunta do DRACO(Departamento de Repressão ao Crime Organizado) e do COE(Coordenação de Operações Especias)  e Inteligência da Secretaria de Segurança Pública (SSP), culminou, nesta sexta-feira, 22 , na prisão de membros de uma quadrilha especializada em assaltar agências bancárias. Armas longas, curtas, munições e dinamites compõe parte do material apreendido na operação.

Segundo o delegado do DRACO, Mauricio Moradilha, a quadrilha já está presa no Complexo Penitenciário da Mata Escura, em Salvador. O bando assaltou as agências do banco do Brasil de Andorinha, no dia primeiro de maio, onde destruíram praticamente toda estrutura física do prédio, e da agência de Barro Alto, no dia 6 de março.

Foram presos pela polícia, Antônio José dos Santos, 37 anos, Eudes Barbosa dos Santos, 31 anos, Eucassio Ribeiro Costa, 30 anos, presos no município de Carfanaum, James Cleido Mourato de Matos, 31 anos, preso em Mulungú do Morro, Soleimar Lopes de Almeida, o galego, 36 anos, Marcos André de Lima, 34 anos e João José Rosa dos Santos, 22 anos, preso em Irecê.

A policia conseguiu também apreender um Vectra, preto, um Golf branco e uma Hilux branca, que foram usadas pelo bando no assalto em Andorinha. Dois bandidos continuam foragidos.

Blog do Walterley Kuhin