Augusto Urgente

 

 

 

 

 

Piahuhy

O Líder da Oposição de Caém, Vereador Pablo Piauhy (PP), juntamente com o Vice-Presidente do Sindicato dos Funcionários Públicos do Município, Carlos Roberto, o “Bel”, ingressaram na ultima quinta feira, dia 12, com uma representação no Ministério Público, denunciando o péssimo serviço prestado pela operadora claro no Município. Segundo os denunciantes já há alguns meses que o sinal é inconstante, com quedas diárias, pra conseguir uma ligação o consumidor tem que tentar dezenas de vezes ate conseguir o sinal. Segundo Pablo Piauhy isto tem trazido muita dor de cabeça aos cidadãos caneneses, alem, de prejuízo e problemas aos comerciantes e as pessoas que dependem diariamente do uso do celular. Junto a denuncia foi anexado três abaixo-assinados, organizados pelo Vice-Presidente do Sindcaém, Bel, contendo centenas de assinaturas, demonstrando assim o real descontentamento dos cidadãos caenenses com o serviço oferecido pela operadora Claro. Para o Vereador Pablo, indícios de que houve modificações nos aparelhos de retransmissão do sinal, com o intuito de beneficiar outras comunidades que não pertencem ao Município de Caém, trazendo assim queda na qualidade do sinal para o Município, também foram informados ao MP para que fosse investigado e comprovado a procedência, ou não. “È uma vergonha o que esta acontecendo em nosso Município, de uma hora pra outra o sinal da claro, que já cobre a sede do Município a mais de 5 anos, praticamente parou de funcionar, é como se nos tivéssemos regredido. E o mais estranho é que isso ocorreu após uma queda do sinal por mais de uma semana e quando retornou, aqui passou a não ter o sinal da operadora claro, como antes, e outras localidades que não pertencem ao Município, passaram a ter o sinal, a quem interessa isso? Por que ate agora a Prefeitura não tomou nenhuma providencia? ” questiona o Vereador Pablo Piauhy.