“Se fosse eu, lutaria até o último minuto”, diz Elmar Nascimento sobre renúncia de Adolfo Menezes

Deputado ainda declarou que o ex-prefeito José Santana será o principal conselheiro caso seu irmão, o vereador Elmo Nascimento, assuma a prefeitura

Da Redação

dep

Uma das principais lideranças do grupo Boca-Branca, atual oposição na política de Campo Formoso, o deputado estadual Elmar Nascimento, criticou a postura do também deputado Adolfo Menezes e prefeito eleito de Campo Formoso, que renunciou à prefeitura por conta de um processo judicial. Elmar deu as declarações em entrevista à rádio 98fm, na tarde desta segunda-feira (21).

Se eu tivesse sido votado pela maioria da população, iria lutar até o último minuto para me assegurar o direito de assumir. Eu arriscaria tudo, afinal não nasci deputado. Sobretudo se eu achasse que tinha razão. Mas cada cabeça é uma cabeça“, disse Elmar, questionando a decisão do rival político, que renunciou antes da decisão judicial que pode anular a eleição no município.

Sobre a possibilidade de seu irmão, o vereador Elmo Nascimento, presidente da Câmara, assumir a prefeitura, em caso de determinação de uma nova eleição, o deputado declarou: “Se isso ocorrer, ele (Elmo) vai assumir a prefeitura com a responsabilidade de representar um grupo que gosta de trabalho. E ele terá como principal conselheiro o ex-prefeito José Santana“, completou Elmar Nascimento.

.

Redação: Campo Formoso Noticias