O presidente do PHS, Claudionor Peixinho, está divulgando uam nota oficial do partido em que praticamente exige que seus dois vereadores, .Lúcia Cerqueira e Carlos do Tijuaçu, votem contra o parecer prévio do TCM, que rejeitou as contas de Carlos Brasileiro, exercicio financeiro de 2001.

O parecer da câmara, assinado pela vereadora Lúcia Cerqueira, recomenda a rejeição das contas de Brasileiro. Confira a seguir o pedido do PHS, que entende que Carlos Brasileiro não cometeu irregularidades em seu governo no ano de 2001.

O Partido Humanista da Solidariedade, através da sua diretoria, vem por desta, publicar, que, a ORIENTAÇÃO DO PARTIDO, é que os dois Vereadores do PHS (Carlos de Tijuaçu e Lucia Cerqueira) não sentencie o ex-prefeito e atual Deputado Estadual Carlos Alberto Lopes Brasileiro, cassando os seus direitos políticos, impedindo assim, que o mesmo seja candidato a cargos públicos por 8 anos.

 

Entendemos que Carlos Brasileiro, está sendo vitima de um julgamento político, uma vez que, a opinião do TCM, pela rejeição das cantas, não passaram de ERROS TECNICOS, causados por imaturidade e inexperiência da contabilidade em 2001, caracterizando assim, que não houve desvio de recursos público, ou má conduta do gestor, sendo que Carlos Brasileiro, tem uma vida publica ilibidada, honrada, respeitada e aprovada pela opinião publica como gestor e como homem publico honesto, não merecendo ficar fora da vida publica, por ERROS MERAMENTES TECNICOS, o que difere e muito, de desvio de recursos público, improbidade Administrativa ou coisas do gênero. Nem todo ERRO LEGAL deve ser punido como ERRO MORAL.

Atenciosamente, Diretório Municipal do Partido
Caludionor Peixinho
Presidente do PHS em Sebnhro do Bonfim -Ba
Senhor do Bonfim 10 de Dezembro de 2012

Foto: Blog do Cleber Vieira