Bolinha, proprietário de um dos cortes, fez um TCO
                                                       
Simultaneamente está acontecendo nestes dias 05 e 06 de dezembro, nas cidades, de Feira de Santana, Nazaré das Farinhas, Simões Filho, Castro Alves, Pindobaçu e Novo Horizonte, a OPERAÇÃO VULCANO III, coordenada pela 6ª Região Militar, por intermédio do Serviço de Fiscalização de Produtos Controlados (SFPC/6), a operação tem como objetivo fiscalizar Pessoas Jurídicas que realizam atividades com explosivos, e verificar se há o cumprimento da Portaria nº 03 do Comando Logístico do Exercito, de 10 de maio de 2012, que versa sobre atividades com material de uso controlado.
O balanço divulgado pela policia até agora apresenta um total de 11 pessoas presas suspeitos de armazenar explosivos de forma ilegal. De acordo com a Polícia Civil, as prisões ocorreram em uma cooperativa. As pessoas detidas são ligadas à empresa e também não apresentaram certificado de origem dos explosivos encontrados no local, além de adulterarem o sistema de explosão dos artefatos, segundo a polícia. A cooperativa foi interditada e lotes de emulsão explosiva que estavam na cooperativa foram apreendidos.
Participam dessa operação, o Exercito Brasileiro auxiliado pelas Polícias Civil e Militar da Bahia, bem como o Departamento de Produto Mineral.
A equipe comandada pelo delegado Felipe Nery, também participou da operação.
Foram presos na Operação Vulcano III:
  • Paulo Roberto de castro, 60 anos, um dos donos de minas;
  • Francisco Pereira Reis, 54 anos, residente em Serra da Carnaíba – Pindobaçu;
  • João Henrique Oliveira dos Santos, 53 anos residente em Campo Formoso;
  • Anailton Janio Nunes, 38 anos, residente em Serra da Carnaíba – Pindobaçu;
  • Gilmario Francilino da Silva, 44 anos, residente em Serra da Carnaíba – Pindobaçu;
  • Manoel Menezes de Amorim, 37 anos, residente em Serra da Carnaíba – Pindobaçu;
  • Luiz de Oliveira Costa, 53 anos, residente em Serra da Carnaíba – Pindobaçu;
  • João Gonçalves de Oliveira, 41 anos, residente em Serra da Carnaíba – Pindobaçu;
  • Outros dois identificados como Bolinha e Val, feito TCO.
  • Com exceção de Bolinha e Val, os demais responderão por crime especificado no art. 16 parágrafo único, inciso 3º do CP.
  • FOTO  Corte de Esmeraldas: Maravilha Noticias
  • Fonte; Maravilha Noticias- G1 BAHIA