Os médicos que prestam serviços no Hospital Regional, não aceitaram receber setenta por cento dos seus salários e decidiram paralisar as atividades. Desde ontem(13), somente estão sendo atendidos pelos médicos os casos  de emergência.

A SEMUS, não conseguiu suprir as carências no HR, que vão desde a falta de medicamentos e até mesmo  roupas adequadas para realização de cirurgias.

Os médicos somente voltarão as suas atividades quando as suas reivindicações forem atendidas pela prefeitura de Sr do Bonfim.