O micro-ônibus de Placas JOJ 1929, que transporta os alunos, Angelim é São José, zona rural do município de Saúde, está a mais de 15 dias quebrado, em uma propriedade rural fazenda caraíba estrada  Saúde  ao povoado de Angelim.O veiculo que deveria ter sido rebocada para garagem da prefeitura, ou consertado encontra-se abandonado. Estudantes que necessitam deste ônibus, estão sendo prejudicados com  falta  de atenção do poder público.”Todos os dias chegamos em casa, depois das 13h somos obrigados a  caminhar mais  de 6 km isto e  triste é nem uma providência e tomada, já reclamamos a  secretária de transporte e até gora nada”. Reclamou a  estudante Tais , de 17 anos, moradora  do povoado de Angelim.

Destinado a apoiar o transporte de estudantes da rede pública que vivem nas zonas rurais, esse recurso deve ser utilizado no custeio de despesas com reforma, seguros, licenciamento, impostos, taxas, pneus, serviços de mecânica, elétrica e funilaria, recuperação de assentos, combustível e lubrificantes do veículo ou da embarcação utilizada para o transporte de alunos. Serve também para o pagamento de serviços contratados junto a terceiros para o transporte escolar.

O orçamento de 2012 do programa é de R$ 644 milhões e deve ser repassado em nove parcelas entre março e novembro. O cálculo per capita/ano varia entre R$120,73 e R$ 172,24, de acordo com a área rural do município, a população moradora do campo e a posição do município na linha de pobreza.

Espaço Aberto.Net