A candidata a prefeita de Umburanas, Mirian Bruno, da coligação ” Pra frente Umburanas”, esteve na manhã desta quarta-feira acompanhada de alguns correligionários para prestar queixa de agressão após o confrontamento político ocorrido ontem a noite na cidade. Segundo a candidata, seu grupo político estava no comitê comemorando a adesão de 42 famílias no interior do município quando foram surpreendidos com a chegada de uma caminhada do grupo de oposição que estaria comemorando uma pesquisa política que, segundo eles, dava ampla vantagem ao candidato Roberto Bruno, da coligação” A UNIÃO QUE O POVO QUER. Daí em diante, segundo testemunhas, o clima esquentou.

 

 

Provocações de ambas as partes fizeram com que a situação fugisse do controle.” Meu filho, só não teve tiro, mas de resto valia tudo. Teve gente puxando faca, espeto de churrasco, murro, tapa, foi uma loucura, até mesmo guerra de rojões, parecia coisa de filme, não sei nem como ninguém foi ferido com gravidade, disse uma das queixosas. O tumulto só foi controlado com a presença da Polícia Militar que com o apoio do DPM de Ourolândia, dispersou a multidão depois de cerca de quarenta minutos de confusão generalizada . A responsabilidade do incidente será investigada pela polícia. (Bahia Acontece)

Compartilhe isso