Irenilde Aguiar, a mulher que simulou a própria morte usando ketchup em uma encenação que contou com a participação do amante, e ganhou o mundo nas páginas dos principais jornais, decidiu entrar na carreira política. Filiada ao PSB, e fazendo parte da coligação,  PRA PINDOBAÇU SEGUIR EM FRENTE  Lupita, é sem sombra de dúvidas a grande atração entre os candidatos a vereador.

O caso da mulher que teve a própria morte simulada com ketchup repercutiu na imprensa internacional. O jornal inglês “Daily Mail” classificou a história de “bizarra” e destacou a declaração do delegado responsável pela investigação dizendo que “em oito anos de trabalho policial, nunca ouvi nada parecido com isso”.

Reproduziu ainda a declaração de um vendedor da cidade de Pindobaçu (BA), que ficou incrédulo com o fato de a mulher que encomendou a morte de Eronildes Aguiar Araújo não ter percebido que a faca estava presa na axila da mulher “morta”.

Outro jornal inglês, o “The Guardian” trouxe um título bem-humorado para a história: “Ketchup matador traz tempero divertido para cidade brasileira” (em tradução livre) e acrescenta que, depois da fama trazida pela encenação, moradores já querem ver a dona de casa candidata a vereadora.

Lupita tem despertado o interesse dos eleitores por onde passa e pode se tornar na grande surpresa desta eleição em Pindobaçu.

. “O pessoal aqui tem uma grande rejeição com a Câmara. Por que não colocar ketchup na casa?”.