Grupo de militantes do PCdoB do município de Santaluz, no nordeste  baiano, encaminhou um recurso à direção estadual do partido com o pedido   de impugnação da convenção municipal da legenda, realizada no último  dia 29. No evento, o diretório local decidiu apoiar a candidatura de  Zenon Nunes Filho (PSD), ligado ao atual prefeito Joselito Carneiro de  Araújo Júnior.

Os comunistas alegam que foram excluídos da lista de  filiados da legenda, mesmo sem terem pedido a desfiliação, e apontam  irregularidades na convenção, que não teria sido divulgada com a  antecedência necessária, além de ter sido realizada no mesmo espaço e  horário de homologações de outras siglas que apoiam a gestão atual.

Os  dissidentes não pouparam também críticas a Joselito Júnior. “Seus dois  governos têm como marcas principais o patrimonialismo, a autopromoção, a  improbidade administrativa e a intolerância com a divergência política,  onde não faltaram inclusive episódios de agressões físicas e morais aos  seus opositores”, diz o texto enviado à direção estadual do PCdoB. Os  militantes defendem o apoio à candidatura do procurador da Fazenda  Pública Nacional, Joélcio Martins Filho (PMDB).

(BN