O ex-prefeito de Senhor do Bonfim, Carlos Brasileiro(PT), não compareceu na sessão marcada para ontem(26), na Comissão Especial da câmara de vereadores para conhecer detalhes de sua defesa prévia.

Brasileiro, através de seu advogado, pediu que a Comissão, marcasse outra data, alegando que foi notificado um dia antes de conhecer a sua defesa. O pedido de prorrogação do prazo será analisado pela Comissão Especial.

Contradição- O presidente da Comissão Gerivaldo Sampaio(PSC), apresentou cópias de documentos em que constam os recebidos assinados por Carlos Brasileiro e seu advogado. Ao contrário do que foi informado, Brasileiro assinoou a sua notificação no dia 21 de junho, cinco dias antes da data marcada para o seu comparecimento na câmara.

Já o advogado de Brasileiro, foi notificado no dia 22, conforme informou o presidente da CE. As testemunhas arroladas por Brasileiro, serão ouvidas no inicio do mês de julho, e o relatório final, poderá ser encaminhado ao plenário sem conhecimento da defesa prévia de Brasileiro.