Avaliação infra-estrutural do Mercado Municipal constatou que chuvas intensas poderão levar ao desabamento do telhado daquele espaço de comércio popular que desde o início de sua utilização vem causando problemas de toda ordem: teto baixo, falta de ventilação, câmara fria inviabilizada, rede elétrica problemática, esgotamento precário.

O telhado, sem a queda necessária, não permite o escoamento das águas pluviais, fato que passou despercebido aos engenheiros que construíram e fiscalizaram o mercado. Estudos preliminares indicam que a solução do problema custará aos combalidos cofres municipais cerca de 100 mil reais.

A falta de competência na gestão de obra tão fundamental condenou Senhor do Bonfim a investir mais de um milhão de reais em um equipamento que causa pouca satisfação à população e usuários.

Para o prefeito Paulo Machado, o mercado é uma das heranças malditas deixadas pelo ex-prefeito Carlos Brasileiro. No mercado, se chover, o telhado desaba podendo causar um grave acidente.