O deputado estadual, Carlos Brasileiro(PT), derrotado ontem(10), no Encontro Demócratico do partido, para a pré candidata petista Gorete Braz, declarou que o movimento realizado ontem pelo Partido dos Trabalhadores não tem nenhuma legadidade.

Brasileiro informou que provará via justiça que o Encontro foi realizado de maneira ilegal, e que vai manter a sua pré-candidatura a prefeito. Hoje(11), Carlos Brasileiro, seguiu cedo para Salvador, onde participará da votação da nova Lei do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente, sendo o relator do projeto.

Brasileiro declarou que o partido tinha até o dia 20 para a realização das prévias, e que o resultado de ontem será anulado pelo PT estadual.

O deputado disse ainda que vai divulgar uma nota oficial sobre o Encontro Democrático.

Quem também vai levar o PT à justiça é o vereador Ivan Barbosa, terceiro colocado no Encontro Democrático. Ivan, também vai alegar irregularidades no evento.