Rios secos e a falta de comida para os animais.

Com a longa estiagem que assola toda região, alguns moradores da zona rural de Saúde, ameaçam abandonar suas propriedades rurais caso não chova logo . A confirmação foi passada na manhã deste sábado, por um morador da zona rural que preferiu não se identificar, segundo o mesmo a escassez de comida para seu pequeno rebanho , a falta d’água tem feito com que o mesmo já se prepare para esta realidade. Boa parte da zona rural é abastecida com água que vem do rio, a exemplo das localidades de água Branca, entre outras . Devido a seca o rio já não tem água o suficiente para atender  tanta gente e os tanque  estão secos segundo morador.

 

“Ou agente vem embora pra cidade ou vamos morrer de sede, a pouca água que resta nos tanques estão se evaporando com tanto sol, comida para o gado já não existe mais, carros-pipa não tá sendo o suficiente para atender tanta gente, um único caminho que me resta e vim pra rua, pelo menos água agente tem pra beber e cozinhar”. Desabafou: a boa noticia para o município de Saúde, é a chegada das cestas básicas enviada pelo governo para atender ás famílias que estão em situação difícil sem emprego e sem ter o que se alimentar. A cesta-básica é composta por 10 kg de arroz, 3 kg de feijão, 2 kg de açúcar, 2 latas de óleo de soja, 1 kg de leite em pó, 2 kg farinha de mandioca, 1 kg de macarrão e 1 kg de flocos de