Durante pronunciamento na tribuna da Câmara, na sessão desta quinta-feira (23), o vereador Gustavo Miranda (PC do B) criticou a precariedade da saúde pública no município de Senhor do Bonfim. Citando matérias publicadas na imprensa,  Miranda afirmou que no município está faltando médicos no SAMU, e citou também a renúncia do coordenador Marcus Carvalho, que deixou o órgão.

Na opinião de Gustavo Miranda, o prefeito Paulo Machado (PP) tem a solução nas mãos, mas, não age, preferindo transferir responsabilidades, citando como exemplo a   nota enviada pelo prefeito à mídia, onde  alega falta de serviços em finais de semana como: laboratórios, farmácias entre outros. “O prefeito não pode ficar terceirizando responsabilidade, ele tem que agir, e, nesse caso especifico, cabe ao gestor fazer cumprir a lei e não ficar pondo a culpa nos outros”, concluiu o vereador.

Já em entrevista, no Jornal Interativo da Bonfim news, Gustavo Mirando, disse que votará contra o Projeto de Lei, encaminhado por Paulo Machado, pedindo autorização para contratar 30 pessoas.

Para Gustavo, o prefeito mais uma vez dá claras demontrações de falta de gestão, e que se possivel for, irá ao Ministério Público, para barrar as contratações.