Roberto exercerá a função de motorista.
Da Redação
Portal Ponto Novo
O Tribunal de Justiça da Bahia, através de decisão em segunda instância, obrigou a Prefeitura Municipal de Ponto Novo a convocar o sr. Roberto Santos Rosa, aprovado no concurso público, realizado em 2006. Na ocasião, ele teria disputado uma das vagas para motorista, foi aprovado, porém, nunca convocado.
Diante do impasse, Roberto acionou a Justiça que, em maio de 2011, deu a setença. A Prefeitura recorreu, mas o Ministério Público pediu cumprimento imediato da setença.
A Prefeitura publicou no Diário Oficial dos Municípios, edição desta sexta-feira (10), o Edital de Convocação Nº 01/2012, onde concede ao requerente, o prazo de 10 dias para que este, apresente a documentação necessária à posse.
Agora, pessoas que se sentem prejudicadas por não terem sido convocadas do mesmo concurso, podem ingressar com ação no Tribunal de Justiça, uma vez que, para casos semelhantes, a Justiça também decide de forma igualitária.