Jorge solla acusa prefeita  de não aplicar o dinheiro da Saúde

Valdice(centro) rebate acusações

Em nota enviada hoje à imprensa,  a prefeitura de Jacobina contesta declarações do secretário de Saúde, Jorge Solla, que teria acusado a gestão municipal de receber recursos federais para realizar obras na área de saúde, não utilizar e não devolver. A afirmação teria sido feita durante entrevista do secretário à Rádio Líder FM de Irecê. Diz a nota assinada pela assessoria de comunicação da PMJ:

“Lamentavelmente não tendo como aferir a autenticidade das supostas declarações do Exmº Senhor Secretário, não podemos  simplesmente atribuir como seus tais disparates. Entretanto  temos a considerar os seguintes pontos: Em 01 de Junho de 2011, em Ofício 000407/2011 MS/SE/FNS/CORF, o Ministério da Saúde solicitou a devolução dos recursos repassados ao FMS-Fundo Municipal de Saúde, no valor de R$ 414.765,21, já que não haveria necessidade de sua utilização. No dia 06 de Setembro do mesmo ano, conforme documentos autenticados pelo Banco do Brasil, os recursos foram devolvidos, no valor de  R$ 444.578,32, acrescidos de  juros, portanto, R$ 29.813,11 a mais, por conta da aplicação. Dois pontos podem ser levantados com base na documentação anexada: Ou o Secretário  está mal informado a respeito do assunto, ou faltou com a verdade ao fazer tais afirmações, consideradas levianas ao se deparar com a verdade absoluta expressada pelos documentos posto à disposição nesta oportunidade. A lógica nos leva a lamentar profundamente tais comentários, se reais, considerando a posição de estadista de sua Excelência o senhor Secretário de Estado da Saúde, Dr. Jorge Solla”.