Agentes do serviço de investigação da polícia civil de Sr do Bonfim, elucidaram na tarde de ontem(28), um crime cometido com requintes de pervesidades, ocorrido na localidade de Socotozinho, interior do município.

O crime, segundo informa a polícia, aconteceu na noite do dia 29 de novembro, passado, tendo como vitima Cristiane  Alves de Souza, de 39 anos, e  o principal acusado é o companheiro da vitima, o verdureiro Gilmar Rodrigues dos Santos.

Dizendo-se arrependido, Gilmar contou que na noite do crime, chegou em casa e discutiu com sua companheira, e que de posse de um facão desferiu golpe certeiro na cabeça da vitima, que ao cair ainda foi golpeada no pescoço.

Apos praticar o crime, o verdureiro, disse ter se encaminhado para Carrapichel, onde tentou suicido. Ele acrescentou que por ser evangélico, Deus não tinha permitido a sua morte naquela noite.

Ao retornar para sua casa, Gilmar contou que rasgou o forro de uma sofá e com um lençol cobriu o corpo de Cristiane , e em seguida levou o corpo até uma vala no fundo do quintal onde ateou fogo e depois cobriu com galhos e terra.

Gilmar, confidenciou o crime, e disse que escondeu o fato até ontem, temendo perder seu emprego, que é de vender verduras nas ruas de Bonfim.

O assassino está custódiado no Complexo Policial, e o delegado Robson Andrade já pediu a prisão preventiva do autor do Bárbaro crime.