O vereador Miguel do PT de Ponto Novo participou ontem do programa Itapicuru Notícias e durante quase duas horas disparou sua metralhadora verbal. Afirmou que o secretário Fernando mentiu quando o acusou de desvio de recursos de uma casa de farinha e disse que está tomando as providências jurídicas contra o mesmo e foi além ao garantir que “você Fernando, que se apaixonou tanto por este prefeito, continue por lá, pois você não pertence mais ao PT e tome cuidado com seus assédios…”.

Ao falar sobre o prefeito Marcos Silva e o afastamento do PT, sob o argumento que seu irmão Zenóbio teria tentado extorquir o prefeito, Miguel foi ainda mais incisivo: “Quem gosta de suborno é o senhor, e não me force a falar, o senhor sabe que eu sei de muita coisa”.

Miguel falou ainda que sempre alertou aos colegas vereadores sobre o esquema montado com a Cecosap e Piemonte ao elencar roteiros de transporte escolar, onde há localidades que “falta de alunos para tantos ônibus, tem mais transporte que alunos”, citou ainda “casos vergonhosos de reformas escolares, onde foram gastos recursos e os serviços não aparecem…”, “a saúde está acabada, não há remédios na farmácia do município…”. A reforma no Anexo 1 se pagou por 500 m de piso, será que todo este piso existe?, questionou”. “Tenho chamado a atenção dos colegas vereadores, mas alguns preferem o silêncio, os valores pagos a muitos prestadores de serviços, são muito abaixo do que prestam contas no tribunal, um absurdo”.

Miguel falou ainda que o prefeito destruiu uma quadra para construir Quiosque, onde este dinheiro poderia ser utilizado para beneficiar as pessoas mais carentes. “No rumo que vai, vamos perder o convênio das casas populares”

Fonte: Radio Itapicuru FM