A festa para comemorar o Dia do Evangélico em Sr do Bonfim, que aconteceu no final de semana que passou,(10,11), na Pça Nova do Congresso, está rendendo muita polêmica entre as igrejas evangélicas do município.

A festa que reuniu uma verdadeira multidão, reunindo mais de 15 mil pessoas, tendo como uma das atrações a cantora Gospel, Shirley Carvalhaes, ganha contorno de desentendimento e acusações de favorecimentos politicos.

O vereador Carlos do Tijuaçú, um dos maiores incentivadores do evento, e que esteve a frente da organização da festa, foi acusado por algumas igrejas de ter sido beneficiado pela prefeitura de Bonfim para se projetar politicamente.

Em nota oficial, à Associação Evangélica de Sr do Bonfim, formada por mais de 7 igrejas, informa que o evento realizado no último final de semana, não contou com apoio e participação da Associação que não concordou com  a forma de organização, e que em momento algum, apoiaria um evento que pudesse prestigiar qualquer que fosse o politico.