As paradas de ônibus em Bonfim, desagradam a todos que necessitam usar um meio de transporte para se locomover. As cobranças são constantes, e a bagunça lamentavelmente aumenta.

Diante de diversos protestos da comunidade, praticamente sem respostas pela prefeitura de Bonfim, os funcionários da Empresa de Transportes São Luiz, estão divulgando uma carta aberta a população onde contam detalhes da bagunça e do sofrimento de quem trabalha no setor, que a cada dia fica pior.

Confira a carta;

———————————————————————————–

Senhor do Bonfim, 01 de dezembro de 2011.

Prezado Senhor,

O problema do ponto de embarque e desembarque dos ônibus intermunicipais, coletivos, vans e topiks do município de Senhor do Bonfim tomou proporções caóticas.

A confusão é total, de um lado os ônibus da Empresa de Transporte São Luiz, empresa devidamente licenciada, que paga seus impostos e que emprega 115 funcionários e do outro, os condutores de transporte clandestinos que não respeitam limites, agem com irresponsabilidade e ainda ameaçam a nós,  cobradores e motoristas da referida empresa, fazendo-nos sentir desamparados pelo Poder Público de nossa cidade, visto que, somos cidadãos de bem, honestos pais de família, que só desejam trabalharem paz. Nãoestamos questionando o fato dos outros veículos serem autorizados ou não, até porque, compete aos órgãos públicos regularizar esta situação. A nossa questão é : segurança, ordem e tranqüilidade para trabalhar.

A profissão de motorista/cobrador já é muito desgastante e não precisamos sofrer com pressões de pessoas irresponsáveis que nos afrontam colocando seus veículos nos lugares de parada exclusiva de ônibus(placas colocadas pela própria prefeitura),  nos insultando e nos ameaçando de morte. Nos dias de hoje em que a violência acontece de forma gratuita, não convém pagar pra ver.

A  prefeitura tem pessoas competentes na área, que podem  encontrar soluções definitivas, no entanto, como vivemos numa democracia, todos tem o direito de participar das decisões que envolvem seu bem estar físico e social. Sendo assim gostaríamos de sugerir alguns pontos que, acreditamos ajudará a solucionar este problema que já se arrasta por um longo tempo. Antes de mais nada vale ressaltar que a primeira e mais importante providência a ser tomada é a de separar os pontos de ônibus:

– ônibus intermunicipais

_ ônibus coletivos, inclusive os que transportam para os distritos e povoados

–  vans e topiks

 Se cada um tiver seu ponto de embarque/desembarque os transtornos cairão consideravelmente.

 Outra sugestão seria a mudança de roteiro para os ônibus da Empresa São Luiz:

 

Ônibus com destino a Andorinha/Ponto Novo

 Embarque: Praça Nova fazendo retorno pelo Hotel São Francisco, seguindo pela rua Antonio Laurindo via Posto Itamaraty seguindo viagem para o destino acima.

Desembarque: Posto Itamarati seguindo para Praça Nova fazendo retorno em frente ao Hotel São Francisco seguindo de volta ao Posto Itamaraty

Ônibus com destino a Jacobina e Campo Formoso

 Embarque: Praça Nova, ao lado do clube 25 de Janeiro, seguindo pela rua Cel. Antonio Félix(esquina com a rua Barão de Cotegipe) seguindo em direção ao ponto de ônibus do antigo hospital AMEC

 De acordo com nossa sugestão, os ônibus da São Luiz não passariam pelo centro da cidade, evitando assim mais  congestionamento.

 Acreditamos que grande parte deste problema seria resolvido se nossas sugestões fossem acatadas.

Desde já agradecemos a compreensão, e esperamos colaboração na solução desse impasse.

Atenciosamente,

 Funcionários da Empresa de Transporte São Luiz.