A Prefeitura de Andorinha através da Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente em parceria com a EBDA realizarão, nesta Sexta-Feira (18), a partir das 8h, na localidade de Sítio do Açude, o 1º Dia de Campo sobre o cultivo intensivo da Palma. O Projeto Palmas para Andorinha, criado no município, hoje é referência nacional e já está sendo adotado em várias cidades como mecanismo viável para a plantação e colheita. A forma inovadora do plantio e o processamento da Palma para consumo são marcas do projeto. O 1ºDia de Campo terá cobertura nacional da Rede Globo de televisão que apresentará uma matéria especial no Programa Globo Rural. O evento contará com uma programação diversificada e todos estão convidados, confira:

 

Programação:

Estação 01 – Inscrição 

Estação 02 – O preparo e conservação do solo

Estação 03 – Sucamento e adubação de fundação 

Estação 04 – Seleção de mudas e plantio

Estação 05 – Adubação de cobertura e tratos culturais 

Estação 06 – Tratos Fitossanitários 

Estação 07 – Corte, pesagem e comparação com sistema tradicional

Estação 08 – Farelo da Palma na alimentação animal

Estação 09 – Palma na alimentação humana ( Almoço )

Estação 10 – Entrega de certificados

Estação 11 – Confraternização: Forró da Palma

 

O cultivo Intensivo da Palma Forrageira foi desenvolvido pela Empresa de Pesquisa Agropecuária da Paraiba – EMEPA através do Engenheiro Agrônomo Paulo Suassuna, sabendo da importância desse vegetal para a pecuária, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural de Andorinha visualizou nessa Tecnologia uma excelente ferramenta para contribuir com o  desenvolvimento da pecuária local e com todo apoio do Prefeito Agileu Lima, esta desenvolvendo um trabalho de divulgação massiva  para produtores do nosso município.

 O Projeto nomeado de “Palmas para Andorinha” consiste na implantação de 10 Unidades Demonstrativas (U.D.), treinamento de 150 produtores em serviço através de palestras e práticas de campo, Capacitação de 200 donas de casa e merendeiras com a realização de 10 cursos de Culinária da Palma e massificação da Tecnologia para mais 1.000 Produtores Rurais e 200 estudantes com a realização de 10 Dias de Campo