Moradores de Sr do Bonfim e cidades da região fizeram cada um a sua parte no movimento para salvar o Hospital Regional, os vereadores também tentaram, parte do comércio ficou mobilizado no evento, politicos de situação e oposição esqueceram suas vaidades pessoais e aumentaram o movimento que interditou a BR-407, tudo com objetivo de chamar à atenção do governador.

Documento oficial foi assinado por diversas entidades representativas da cidade, mas nada convenceu o Estado em disponibilizar recursos financeiros para aquela casa de Saúde que está prestes a fechar as suas portas.

O diretor administrativo do HR, José Lourenço, acaba de receber resposta da Secretaria de Saúde da Bahia, através da SUREGS(Superintendência de Gestão dos Sistemas de Regulação da Atenção à Saúde) orgão vinculado à SESAB.

O comunicado partiu do diretor do orgão Dr Andréis, que informou, que a Secretária de Saúde da Bahia(SESAB), não poderá disponibilizar recursos financeiros ao Hospital Regional. O Diretor anunciou ainda, que a responsabilidade de injetar recusos no HR é  da Secretária de Saúde de Sr do Bonfim.

José Lourenço, vai ainda tentar audiência com Jaques Wagner, com uma comissão a ser formada por várias entidades representativas de Bonfim. Sem ajuda do Estado, o HR marcha para fechar as suas portas, o que seria um caos na região.