Fidelidade! Essa  é a palavra de ordem do prefeito Paulo Machado(PP), para tentar segurar o apoio dos vereadores de sua base de sustentação. O prefeito  esteve reunido na manhã  desta  quarta, 5,  para definir as metas com relação ao seu projeto de reeleição.Na reunião,  Machado explicou mais uma vez os motivos que o levaram a deixar o PT,  cobrou fidelidade  e disse que vai  expulsar os ” infiéis”,  em uma clara referência aos secretários do Partido dos Trbalhadores que ainda não entregaram seus cargos.

             
   

 

 

 
 

 

 

 

 
 

 
 

 
 
                                       

Eles juram fidelidade!

   

Na reunião estiveram presentes os vereadores, Otávio Xisto(PMN), Gilberto Pires Cerqueira(PSB), Biro-Biro(PV). O vereador Carlos não participou mas justificou a sua ausencia. O vice- presidente do Partido Verde, Secretário de Agricultura ,  Raimundo Freitas, também esteve presente ao encontro. O PHS esteve representado pelo presidente da legenda Claudionor Peixinho.

Machado saiu da reunião confiante  que terá o apoio dos que lhe juraram fidelidade.