i287104489266822928._szw1280h1280_

A Polícia Federal esteve em Campo Formoso no mês de setembro, cumprindo mandados de prisão referentes a envolvimento na Operação Lava Jato. Na manhã da última quarta-feira(10), através de alvará de soltura, um dos acusados foi liberado.

Gilvá Silva Diniz que ficou preso durante 36 dias na delegacia de Campo Formoso, teve seu alvará concedido pelo Juiz Federal da segunda seção do estado do Rio de Janeiro, o mesmo cumpria prisão provisória que foi revogada e agora poderá responder em liberdade pelas acusações.

.

Redação Campo Formoso Noticias
Infor: 98FM