Mais de 1 mil servidores municipais ainda não receberam o salário de dezembro do ano passado em Itiúba, na região norte do estado da Bahia. Segundo o Sindicato dos Servidores Municipais de Itiúba (Sinsepi), os funcionários receberam apenas o 13º salário. A prefeitura alega que o salário não foi pago por falta de recursos financeiros.

Já foi passado à situação para o jurídico, que deve está tomando as providências necessárias. Caso a situação continue e a Prefeita Cecília Petrina não pague o mês de janeiro também, a categoria deve fazer uma assembleia para decidir sobre paralisação e até greve, segundo informações colhidas junto a categoria de servidores.

A Prefeitura Municipal de Itiúba, Cecília Petrina (PCdoB), só argumenta que o salário de dezembro não foi pago em virtude de falta de dinheiro no caixa da prefeitura. Um dos motivos para a situação, segundo ela, foi à diminuição de repasses.

Informações dão conta, que ainda não há previsão para o pagamento do salário de dezembro aos servidores e que essa informação só será dada através de publicação oficial. O valor da folha de pagamento não foi informado.

Enquanto isso, os servidores estão revoltados pelos constrangimentos que vem passando devido às contas em atraso e juros bancários corroendo seus rendimentos, além de estarem apreensivos e com receio de receberem calote da Prefeitura, ao não pagamento do mês de dezembro de 2017 aos Servidores Municipais ainda este ano.

Desta forma, centenas de Servidores Municipais estiveram no Fórum local para denunciar a situação ao MP e também preparar uma ação coletiva para tentar assegurar o salário pendente, além de pedir a investigação de supostas irregularidades que estão levando o dinheiro do município e deixando servidores concursados e efetivos sem pagamentos, caso nunca visto nos últimos anos em Itiúba.

Por: Renilson Ramos.